terça-feira, 10 de abril de 2018

CANSAÇO, VACINA E "THE TERROR"

Primeiramente, deixe-me saudá-los. Se é a primeira vez que você chega no meu blog, saiba que é uma honra ter sua visita por aqui. Segundamente, anuncio que a partir de hoje, para eu não me perder nos assuntos que escreverei, vou enumerá-los já no título dele. Durante muito tempo dei o título só depois de escrever o conteúdo. Funcionou por um bom tempo, mas confesso que não dá mais.  
Pra me inspirar, trarei coisas do meu dia-a-dia, e terei como companhia a Rádio Saudade FM, de Santos, que vou sintonizar agora.  ouvindo a rádio "Romance" na NET, mas nada me agrada. E como sou apaixonado pelo rádio, vou migrar pra lá. Só um segundo... 

Pronto. Tá rolando Lobão, "Me chama", de 1984. Nem curto muito o som desse cara, mas vou ouvir a rádio assim mesmo. E pelo que  vendo, se eu for fiel a esse propósito de escrever sobre os assuntos que enumerar no título, o papo vai render. Por isso, se você já se cansou da minha escrita, agradeço por pelo menos ter tentado. 

à você que continuou, o meu muito obrigado. Seguimos juntos. 

Sobre o cansaço: Sim. Hoje foi um dia daqueles. Tudo porque deixei para renovar minha CNH hoje, e pra quem já o fez, sabe da burocracia que isso exige. Ida ao Ciretran, médico, banco e afins. Enquanto mofava na instituição, aguardando o agendamento do médico, batia um papo com uma amiga minha que lá estava, sobre febre amarela, assunto recorrente em minha cidade, nos últimos dias. 

A campanha começou meses atrás. Mas como os casos eram longe de minha cidade, e achei tudo mal explicado, havia preferido não tomar a vacina. Pra mim, era só uma desculpa para o governo (ou seria desgoverno) ganhar (mais) uma graninha em cima da gente. Amigos até tentaram me falar da importância, mas não dei ouvidos. 
Fato é que, semana passada, uma senhora foi picada pelo mosquito estrupício aqui em meu bairro. Fico feliz em dizer que ela se tratou e está curada. Infelizmente, uma jovem não teve a mesma sorte. Não só eu, mas muitos de minha cidade estávamos rezando e torcendo por ela. Infelizmente não resistiu. Tomei a vacina na última sexta, dia 06 de Abril. Uma sexta quente daquelas. Aliás, cadê o clima do outono?  
Sei que a imunidade só vem lá por volta do décimo dia depois da vacinação, e que nesses dias, algumas reações podem se manifestar na pessoa. Eu poderia até acreditar que o fato de eu estar detonado nesta noite, teria como motivo a bendita vacina, mas não. Creio que foi por ter andado o dia todo atrás do já mencionado documento. 

"The Terror" trata-se de uma série que  vendo no canal AMC. O trailer é fantástico. Mas confesso que pra mim, ela está arrastada demais. E mais: com o advento da Netflix, acredito que eu esteja desacostumado a ver séries com intervalos comerciais. Que chatice. Dez minutos de série, e um intervalo entre esses "10 em 10". 

Só que, como já comecei, pretendo terminar. Na noite em que escrevo esse post, foi ao ar o quarto episódio. Acho que vou gravar semana que vem, pra poder usar o fast forward com gosto. 

Não quero perder tempo explicando sobre o que é a série, por isso, vou postar um trailer dela aqui.  


E falando em séries, deixo antes de terminar, uma dica, pra quem não quiser perder boas dicas no serviço da Netflix (pelo menos tem me ajudado): Se inscrevam no canal deles no Brasil! Sempre aparecem os trailers dos lançamentos. Já tive excelentes surpresas acompanhando os vídeos deles. Séries e filmes que teriam passado batido se não os tivesse visto por lá! 

Pra quem já assistiu "Millenium – Os homens que não amavam as mulheres" e "Onde está segunda?" (este último, um original deles), fica a dica de "Conspiração Terrorista", com a bela Noomi Rapace. Comecei a ver ontem, mas tava com um sono medonho. Ia terminar de ver hoje, mas por eu ter ficado zanzando o dia inteiro, precisei adiar para uma outra ocasião. Mais uma vez, deixo o trailer aqui pra você dar uma olhada. 


Feito tudo isso, me despeço por aqui. 
A música do dia fica por conta da aniversariante do dia, completando 31 anos de uma bela voz.  
Hayley Westenra. Menina essa que passou por sérios problemas de saúde, depois de ter participado do DVD das "Celtic Woman", do qual já falei uma porrada de vezes aqui. Outro dia falarei sobre esse episódio sombrio na vida dela. Ou não, sei lá. De qualquer maneira, fico feliz que (aparentemente) tenha vencido o distúrbio. Não a vejo falar muito de sua carreira nos últimos tempos. Ela pouco menciona sobre isso no Instagram dela também.  
Música que foi inspirada na obra "O morro dos ventos uivantes", que leva o mesmo título da obra (em inglês, claro), "Wuthering Heights". 

Tenham um ótimo dia dez. Obrigado pela visita. 
Parabéns, Hayley! 
E até o próximo post. 

quarta-feira, 21 de março de 2018

SOBRE OUTONOS E CONSTANTES MUDANÇAS

Dia 21 chegou. Publiquei no blog das 30 Pessoas (como faço há anos, aliás), e fiquei com vontade de dar uma passada por aqui, nesse meu canto internético. 
Ainda em férias na rádio, tenho aproveitado minhas noites para descansar do primeiro trampo, ver filmes, séries, colocar uns games em dia, visitar uma galera importante, e por aí vai. 

Retomei o hábito de acompanhar (quase que) diariamente o programa Pânico no rádio. Sempre gostei das entrevistas. Acho bem interessante a maneira com a qual o Emílio conduz a conversa. O programa na TV realmente perdeu o motivo de existir. Até por isso, foi cancelado. O Bola (Marcos Chiesa) saiu do programa definitivamente depois de 25 anos. 
Não entrei aqui no blog para postar sobre isso, mas foi o que me veio à mente. 

Outra coisa que lembrei, é que o Outono "estreou" finalmente ontem, dia 20 de Março, às 13h15! E a parte da tarde já foi mais nublada, chuvosa, "londrina"! Que maravilha!  
É um dos meus climas prediletos! Adoro o inverno também. 

Não sei se tem a ver com minha personalidade que está sendo formada. Sim. Li que a personalidade é formada até o último momento. Sempre estamos aprendendo (sempre gostei de dizer que a vida é um eterno aprendizado). 
Na real, demorou pra eu pensar assim. Muitos anos atrás, pensava eu ter todas as respostas prontas para as questões que a vida impunha não só na minha vida, mas nas vidas das pessoas que me rodeavam. Ledo engano. 

Falo isso porque adoro, hoje em dia, climas mais frios, tons mais "sombrios". Claro que o calor é bom pra se divertir com a galera e tals, mas esse calor das Arábias já deu o que tinha de dar. 

Não sei você, mas essa ideia de estar sempre mudando, às vezes me assusta um pouco. Dá a impressão de que nunca ficaremos prontos, o que não deixa de ser uma verdade. Mas sei lá... Acredito que somos todos criados com a mentalidade de crescer, produzir, reproduzir... E quando essas coisas começam a demorar para acontecer... A impressão é a de que a razão para estarmos aqui ainda não está completa. Mas isso é assunto para uma outra hora. 
O clipe de hoje é de uma música da Selena Gomez que tem tocado bastante nas rádios de todo o mundo. Ouvi na Pan. E como disse agora há pouco, tenho gostado dos tons mais sombrios, e nessa música, esse tipo de tom foi bastante usado, embora o som misture algo mais down, mas sem deixar de ter uma vibe mais pra cima! 
Assista e tire suas conclusões! 
Volto quando me der na telha! 
Ótimo Outono pra gente.